Destaque

Apple quer comprar o Manchester United

Tim Cook tem intenção de expandir o portfólio de aquisições da Apple para o mundo do futebol.
Escrito por Pedro Alves e
1 min de leitura
Apple quer comprar o Manchester United
Publicidade
Publicidade

A Apple tem intenção de adquirir o Manchester United, uma das maiores equipas de futebol inglesas. A família Glazer, até então detentora do clube, tomou esta decisão muito influenciada pela recente saída do craque português Cristiano Ronaldo, que tanta tinta fez correr pelo mundo fora.

A proposta que está em cima da mesa é de 5,8 biliões de libras (quase 7 biliões de dólares) o que coloca a Apple em boa posição negocial, já que a família americana venderá a equipa ao maior licitador. Inicialmente os Glazer pretendiam arrecadar 9,9 biliões de dólares pelo clube, mas terão mudado de ideias e aguardam agora pela melhor oferta possível para fecharem negócio.

A Apple não tem qualquer histórico neste tipo de negócios, pelo que será uma novidade para todos, dentro e fora da empresa, caso a aquisição se concretize. Tim Cook estará até em conversações com bancos de forma a supervisionarem esta gigantesca transação.

De uma perspetiva externa, a gigante de Cupertino poderá estar a pensar em rentabilizar o investimento através da exclusividade da transmissão dos jogos do Manchester United no seu serviço Apple TV+, à semelhança do que já fez com a Major Soccer League, que é o principal campeonato de futebol dos Estados Unidos.

Importa referir que nem a Apple nem o Manchester United terão tecido qualquer comentário sobre esta questão, até à hora de publicação. Da mesma forma, o Daily Star, que foi quem avançou com a notícia, não referiu qual foi a sua fonte.

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo