Apple Watch: 5 questões que deves fazer antes de comprares um

Estás indeciso sobre se deves comprar, ou não, um Apple Watch? Eis 5 perguntas que deves fazer antes de adquirires um.
Escrito por Samuel Pinto e
5 mins de leitura
Apple Watch: 5 questões que deves fazer antes de comprares um
Photo by Ricardo Resende / Unsplash
Publicidade
Publicidade

Lançado em 2015, o Apple Watch é um caso de sucesso mundial, sendo o smartwatch mais vendido do mundo ao longo dos anos. E não é para menos, porque efetivamente o Apple Watch é dos relógios inteligentes mais sofisticados e completos do mercado, para não dizer mesmo, o mais sofisticado e completo.

Hoje em dia os wearables são cada vez mais comuns entre milhões de utilizadores à escala mundial, sendo o Apple Watch, eventualmente, o mais desejado e cobiçado. Se estás de olho no relógio inteligente projetado pela gigante tecnológica americana, precisas de fazer várias perguntas antes de te aventurares a fazer um investimento considerável num Apple Watch.

Usarei o meu Apple Watch?

Tendo em conta o preço elevado do Apple Watch, faz todo o sentido esta ser a primeira pergunta a responder. Será inútil o investimento num Apple Watch se depois o encostares numa gaveta a ganhar pó. Por outro lado, se praticas desporto, tens interesse em melhorar a tua forma física e se estás motivado em exercitar o teu corpo todos os dias, aí já faz sentido considerares a compra dum Apple Watch.

Photo by David Dias / Unsplash

Obviamente que o Apple Watch apresenta-te outros benefícios além do exercício físico e do desporto. Por exemplo, podes usar o relógio inteligente para controlares a tua música, ler mensagens, ver o tempo, entre uma panóplia de outras coisas úteis. Ainda assim, deves pensar duas vezes antes de comparares um Apple Watch somente para estes últimos benefícios. Ficas entediado rapidamente com novos dispositivos? Não gostas de usar relógios pois são incomodativos? Em caso afirmativo a estas duas questões, talvez seja melhor adiar a compra.

Um Apple Watch, irá melhorar a qualidade dos meus treinos?

Eventualmente, se já praticas desporto, corrida, ginásio ou outro tipo de fitness, provavelmente usas ou já usaste algum dispositivo para te ajudar nos treinos do ginásio, na contagem dos passos, quilómetros das tuas corridas entre outras ajudas semelhantes. Poderá ser um smartphone, um outro smartwatch, ou uma smartband e provavelmente já começaste a olhar para um Apple Watch sentindo que este, poderá ser mais eficiente tecnologicamente enquanto praticas exercício físico. Dependendo dos casos, ter um novo smartwatch pode ser uma ajuda, em outros não.

Woman resting after doing crossfit
Photo by Alonso Reyes / Unsplash

Como já supracitado, só valerá a pena investir num Apple Watch se realmente estás com força de vontade em melhorar a qualidade dos teus treinos sem carregares o iPhone para todos os lugares. Se estás preso numa rotina diária que te impede a melhoria da qualidade dos teus exercícios físicos, terás que sair da tua zona de conforto, pois é obvio que o Apple Watch por si só, não irá melhorar a qualidade dos teus treinos. Será mais um investimento inútil.

Apple Watch ou outros smartwatchs?

Ao pensares na compra dum Apple Watch, lembra-te que o mercado está cheio de outras opções de smartwatch. Embora o Apple Watch tenha muitas funcionalidades interessantes aliadas a um sistema operativo fácil de usar e intuitivo, a verdade é que mesmo assim, ele pode não ser o mais adequado às tuas necessidades.

Algumas das alternativas ao Apple Watch que podes encontrar no mercado são smartwatchs ou smartbands da Fitbit, Huawei, Xiaomi, Samsung, Garmin entre outras. Tendo em conta que o Apple Watch não funciona sem um iPhone, muitos dispositivos destas marcas podem ser usados no iOS, além de serem mais acessíveis financeiramente. Valerá a pena conferir a concorrência e ver qual o que se adequa melhor às tuas necessidades e naturalmente ao teu budget.

Tenho um iPhone para emparelhar o meu Apple Watch?

Se chegaste à conclusão que efetivamente a compra dum Apple Watch é necessária para as tuas necessidades, surge outra questão fundamental. Tens um iPhone? Ao comprares um Apple Watch, é necessário emparelhá-lo com um iPhone para configurar o smartwatch pela primeira vez. Se não tens um iPhone, poderás pedir a um membro da família onde ele poderá configurar a partilha com a família de forma a configurar o teu Apple Watch.

Photo by David Švihovec / Unsplash

Depois de configurares o Apple Watch num iPhone, em termos técnicos poderás utilizá-lo sem um iPhone, mas não é sensato enveredar por essa via. Embora possas usar alguns recursos no Apple Watch sem a necessidade de um iPhone, a verdade é que as limitações ainda são consideráveis. Portanto, o mais lógico será comprar primeiro um iPhone e depois um Apple Watch. Uma vez que a compra dos dois dispositivos ao mesmo tempo é um investimento muito grande, é preferível adiar um pouco a compra dum Apple Watch.

Tenho dinheiro para comprar um Apple Watch?

Embora esta questão esteja em último, não deixa de ser a mais importante. Tenho orçamento suficiente para comprar um Apple Watch agora? Quando falamos de produtos Apple, é certo e sabido que os preços não são propriamente meigos. O Apple Watch mais barato custa 309 € (SE 2) enquanto que o mais caro (Ultra) poderá chegar aos 1009 €. Além disso, lembra-te que para usares todas as funcionalidade do teu Apple Watch sem o iPhone por perto e sem Wi-Fi, terás obter um modelo GPS + Cellular, o que te obriga a um plano de dados móveis e isso aumentará um pouco mais as tuas despesas mensais. Se não conseguires pagar isto sem te endividares, não compres um Apple Watch.

Apple Watch Series 5 Unpacked
Photo by Daniel Romero / Unsplash

Ainda assim, tens a possibilidade de compares um Apple Watch em segunda mão e em bom estado. Se procurares online, é provável que encontres algum modelo usado e que ainda funcione bem. Além disso, não precisas de comprar os modelos de última geração, pois modelos um pouco mais antigos ainda recebem novas atualizações de software. Se mesmo no mercado de usados o teu budget ainda não é suficiente, espera mais um pouco e faz um plano de poupança ao invés de te endividares.

Vê as reais necessidades antes de comprares um Apple Watch

Em suma, é verdade que a Apple vende milhões dos seus relógios anualmente, sendo o melhor companheiro para o iPhone. Mas a sua compra só se justifica se as tuas reais necessidades o assim exigirem. As questões acima podem te ajudar a tomar a melhor decisão, antes de investires o teu dinheiro no smartwatch da Apple. E tu, não tens um Apple Watch? Estás com ideias em adquirir um?

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo