O iPad mini pode ser o melhor para ti por estes 6 motivos

Não te deixes enganar pelo tamanho...
Escrito por Pedro Alves e
3 mins de leitura
O iPad mini pode ser o melhor para ti por estes 6 motivos
Publicidade
Publicidade

O iPad mini é provavelmente o tablet da Apple que goza de menor popularidade. Já desde o primeiro modelo desta gama que muitos possíveis clientes parecem nem sequer o considerar como uma opção, virando sempre a atenção para os seus irmãos maiores, que mais aspiram a serem substitutos de computadores portáteis do que propriamente tablets.

Apesar disso, o mini lá continua orgulhoso no seu nicho, privilegiando a portabilidade e o prazer de utilização em detrimento de um ecrã grande e cansativo de segurar por períodos prolongados. Por isso mesmo e não só, o iPad mini pode ser a tua melhor opção.

É leve e muito portátil

O iPad mini é extremamente confortável de segurar. Não tendo como objetivo ser utilizado com capas com teclado incorporado nem nada do género, o seu ecrã Retina de 8,3” é mais que suficiente para aquilo a que se propõe, e o seu peso abaixo dos 300 gramas torna-o pouco mais pesado que um iPhone 14 Pro Max. Por isso, não vais sentir qualquer necessidade de pousar o mini e descansar as mãos ou os pulsos mesmo após longos períodos de utilização.

Possui o design mais atual

Até 2021, ano de lançamento do iPad mini de 6.ª geração, todos os seus antecessores eram basicamente iguais ao modelo original, nascido em 2012. No entanto, o modelo atual e aqui visado já goza do design mais moderno, sem botão Home, com a moldura mais fina e arestas quadradas, ao estilo dos irmãos Air, Pro, e mais recentemente do iPad de 10.ª geração.

Com a mudança de design o mini ganhou também porta USB-C, tornando-o à prova de futuro.

Não é tão caro como outros modelos

Apesar de ter sofrido um aumento de preço recentemente, o iPad mini ainda continua mais barato que os tablets da Apple de gamas superiores. Com um preço próximo do recente iPad de 10.ª geração, o mini ganha em poder de processamento e portabilidade, e tem suporte para a Apple Pencil de 2.ª geração.

É ideal para jogadores

O menor iPad tem tudo a seu favor para ser um sucesso no mundo do mobile gaming: acesso a todos os títulos da App Store (incluído alguns exclusivos), um potente processador A15 Bionic (o mesmo usado em toda a gama iPhone 13 e iPhone 14 e 14 Plus) e um tamanho e peso adequados para utilizações prolongadas. Resumindo: nenhum título exigente será um obstáculo.

É poderoso o suficiente para a maioria dos utilizadores

Apesar de não estar equipado com os mais recentes chips M1 ou M2, não há nada de errado com isso. Conforme referido no ponto anterior, o processador A15 Bionic já tem provas mais do que dadas noutros aparelhos da maçã, e a nada se negará no que a velocidade de processamento diz respeito.

É um sonho para os viajantes

Como é tão pequeno e leve, o iPad mini é o companheiro ideal para levar de viagem, pois pode ser guardado em qualquer lugar que o espaço ocupado nunca constituirá um problema na bagagem. Além disso, é perfeito para ser usado durante voos mais longos, seja para ver filmes ou séries, ou mesmo para ler um e-book.

Estes foram apenas alguns argumentos de um sem número de outros passíveis de serem tidos em conta. O iPad mini pode ser útil numa imensidão de outras situações, é um equipamento que não vira as costas a nenhum tipo de utilização, e temos a certeza de que, se o escolheres, não te vais arrepender.

Publicidade
Publicidade
Partilhar artigo