PUBG processa Apple e Google por permitir "clones"

PUBG processa Apple e Google por permitir "clones"

António Guimarães
∙ 1 minuto de leitura

Krafton, a empresa sul-coreana que desenvolve o jogo PUBG, está a processar a Apple e a Google, em tribunal americano. A empresa acusa a rival Garena de plágio, relativamente aos jogos Garena Free Fire e Free Fire Max.

Garena Free Fire é conhecido como uma versão gratuita do PUBG, com jogabilidade e aspeto semelhantes. Mas por que razão estão a Apple e Google envolvidas?

Playing Pubg Game On Smartphone
Photo by SCREEN POST / Unsplash

Krafton culpa Apple e Google por falta de ação

A Krafton considera que a Garena está a fazer cópias do seu jogo e que a Apple e Google permitem-no, sem limitações. Aparentemente, a Krafton quer que as empresas removam as alegadas cópias das suas respetivas App Store e Play Store.

Nem a Apple ou a Google se manifestaram sobre a situação e é pouco provável que este processo vá acabar de forma positiva para a Krafton. Afinal, as apps da Garena trouxeram 100 milhões de utilizadores diários em 2020.

Garena Free Fire foi o jogo com mais transferências em 2019 e 2020. Adicionalmente, o jogo arrecadou receitas de 100 milhões de dólares, apenas nos Estados Unidos.

A tua subscrição no iFeed foi efetuada com sucesso.
Bem-vindo de volta! Iniciaste sessão com sucesso.
Perfeito! O teu registo foi concluído com sucesso.
O teu link expirou
Parabéns! Verifica o teu e-mail e utiliza o link para iniciar sessão.